Maria Santana pede exoneração do CIEM de Picos e sai da administração do Pe. Walmir

A jornalista Maria Santana pediu exoneração da direção Centro Integrado em Especialidades Médicas de Picos (CIEM). O comunicado oficial do seu afastamento foi encaminhado ao prefeito Pe. Walmir Lima (PT) ontem, quinta-feira (20), e a portaria com a exoneração deve ser publicada no Diário Oficial dos Municípios do Piauí nesta sexta-feira (21). Maria administrava o CIEM desde a inauguração do órgão em julho de 2019, cuja importância aumentou significativamente com a crise do coronavírus.

Em entrevista ao Boletim do Sertão, Maria Santana alegou que deixou o CIEM devido a interferências externas no trabalho, de pessoas cujo nome ela preferiu não citar. Com a saída do Dr. Júnior Santos da Secretaria de Saúde de Picos, Maria frisa que ficou difícil administrar o órgão. Pessoas de municípios distantes costumavam procurar o Centro Médico em busca de tratamento para a Covid-19.

“Uma assessora chegou a dizer que lá estávamos fazendo tudo errado, desperdiçando EPIs e insumos”, protestou a ex-diretora.

Maria Santana na posse da direção do CIEM

Embora o comunicado oficial tenha chegado ao prefeito ontem, Maria afirmou que já havia informado o seu afastamento ao Pe. Walmir Lima na semana passada. “Na sexta-feira, hoje faz 8 dias que eu entreguei o pedido a ele. Agradeci a oportunidade e disse que para mantermos nossa amizade o melhor era o meu afastamento da administração”, declarou.

Maria Santana disse ainda que desde o rompimento do Pe. Walmir Lima com o empresário Araujinho, algumas pessoas trabalhavam para que ela se afastasse do prefeito. “Fazia um tempo que pessoas muito próximas ao padre trabalhavam para isso acontecer, para eu sair da administração”, comentou.

Indagada se vai apoiar a pré-candidatura de Araujinho, Maria Santana disse que ainda não conversou com o empresário sobre essa possibilidade. Ela é filiada ao MDB. Mesmo com a sua saída da administração, a jornalista frisa que não se trata de um rompimento com o prefeito.

Maria Santana e o padre Walmir Lima, parceria que se encerra

Histórico

Maria Santana trabalhou diretamente com o padre Walmir desde 2013, quando ele foi empossado como vice-prefeito e assumiu a Secretaria de Educação. Na época a jornalista era a sua assessora de comunicação. Com a ascensão do Pe. Walmir ao cargo de prefeito, Maria Santana passou a ocupar diversos postos na administração municipal, destacando-se as Secretarias de Finanças, Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Cultura e, por último, o CIEM.

O prefeito defendeu até o início desse ano que a jornalista fosse a sua sucessora no Palácio Coelho Rodrigues.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *